RH estratégico para recrutar, desenvolver e reter talentos em linha com a organização

Young creative managers team working with new project in modern office.

25/09/2020

RH estratégico para recrutar, desenvolver e reter talentos em linha com a organização


Área assume protagonismo na estrutura organizacional para guiar a gestão de talentos e contribuir com a evolução do negócio


Um movimento crescente no mercado dá à área de Recursos Humanos uma posição de protagonismo nas organizações: o RH estratégico. Trata-se de uma abordagem que vê as pessoas como parte fundamental para o sucesso do negócio e vai além, utilizando dados para aprimorar processos, a gestão desses talentos e, consequentemente, contribuindo para a evolução da empresa.

Na DPC, o RH estratégico é uma frente do projeto Kinesis , que engloba todo o movimento de reestruturação e mudança de posicionamento empresarial da DPC. O fortalecimento dessa visão na gestão dos recursos humanos está sendo guiado por Michelle Auad, psicóloga já experiente com esse tipo de metodologia.


Jornada do colaborador: a construção de experiências positivas para os talentos


Um dos trabalhos iniciais do RH estratégico na DPC foi a definição da jornada do colaborador, que promove um mapeamento dos diferentes processos de recursos humanos para ajustá-los às pessoas, em linha com os objetivos estratégicos da empresa.


“A jornada do colaborador começa na atração, passa pelo recrutamento, seleção, integração, desenvolvimento, promoção, retenção e até pela saída desse colaborador. Nós fizemos um mapeamento de todos esses pontos de contato. É um projeto de melhoria, de estruturação de novos produtos para a área de RH", explica Michelle.



Esse projeto acompanha todas as experiências do profissional nessa caminhada para estabelecer as melhores práticas de gestão a partir da análise da percepção dos colaboradores. O objetivo é entender o que vivenciam, como se sentem e como cada processo pode gerar experiências positivas para eles.



A jornada do colaborador tem seis pontos de contato principais:





Os gestores também assumem papel importante no caminho de desenvolvimento das equipes, promovendo a valorização e oportunidades para o crescimento dos colaboradores. Por isso, em paralelo, o RH estratégico também atua no preparo e envolvimento das lideranças nessa dinâmica.

RH estratégico e centricidade no cliente

Não é novidade que, quando se sente ouvido e valorizado, o profissional tende a alcançar melhor performance para contribuir com os objetivos corporativos.

Assim, quando é eficaz em gerar ações benéficas para seus times, a empresa obtém mais engajamento para promover melhores experiências para os clientes.

Isso liga o conceito de RH estratégico ao de centricidade no cliente, em que o cliente é colocado no centro do negócio, norteando todas as ações e iniciativas da empresa.

Aliadas, essas práticas são capazes de gerar um ambiente estimulante para ideias inovadoras e melhores resultados internos e externos.



“A centricidade no cliente permeia toda a DPC, das áreas mais estratégicas às operacionais. A ideia é que a gente entenda melhor o cliente para prover soluções mais alinhadas e que agreguem ainda mais valor", explica Karine Lammel, líder de Customer Care.


Inclusive, centricidade do cliente diz respeito não só aos clientes externos, mas considera os internos. Ações voltadas a entender e contemplar as necessidades dos colaboradores, os valores das diferentes gerações e o senso de propósito das pessoas que compõem a organização também colocam os anseios do capital humano em destaque, como prevê esse conceito.


People Analytics: dados para apoio à gestão


O RH estratégico atua com base em dados e métricas, que mostram a efetividade das decisões tomadas. A partir de análises em todas as fases da jornada do colaborador, é possível entender resultados e planejar novos passos e projetos.

Isso dá à empresa uma visão integrada, o que contribui para o desenvolvimento de iniciativas cada vez mais alinhadas aos objetivos do negócio. No processo de recrutamento, por exemplo, o RH contrata melhor, reduz o turnover, diminui custos e aumenta a agilidade e a assertividade das ações.


O valor das pessoas para o negócio


A adoção do modelo de RH estratégico demonstra que a DPC reconhece a importância e o valor das pessoas para o seu negócio.

O investimento nos processos de formação à retenção, e todo o trabalho que vem sendo feito para promover engajamento, senso de propósito e pertencimento, buscam impactar a experiência dos colaboradores, o que também amplia o comprometimento com os resultados, a qualidade das entregas e, naturalmente, o valor percebido pelos clientes.


Continue acompanhando a seção Kinesis e fique por dentro das novidades que serão implementadas nos próximos meses. Vem muito mais por aí!

Assine nossa newsletter:

Se interessou?

Entre em contato conosco para que possamos entender seu caso e oferecer a melhor solução para você e sua empresa.

Fale com um especialista
Português